image
Logo Essência Cigana
CADASTRO DE NOVIDADES

ACEITAMOS

Bandeiras
Facebook
fone e endereço
NOTÍCIAS & VARIEDADES
DR. BACH

Edward Bach

10/08/2014

 

Desde a infância Edward Bach demonstrou grande amor pela natureza e profunda sensibilidade. Com sua inteligência aguda e seu espírito pesquisador, tornou-se famoso em sua época pelo caráter avançado de seu estudos. Nascido em setembro de 1886 na Inglaterra, aos 20 anos ingressou na Faculdade de Medicina de Birmingham, onde se especializou em imunologia, bacteriologia e saúde pública. Durante a I Guerra Mundial trabalhou no Hospital Universitário, tratando feridos de batalha. Nessa época pode observar o quanto a índole e o temperamento dos pacientes influíam no desenvolvimento das enfermidades. A partir dessa experiência, iniciou a elaboração do corpo teórico daquilo que seria a futura medicina floral. Antes de chegar a desenvolver suas essências florais, Bach foi o criador de uma eficaz vacina para doenças crônicas, que o tornou conhecido e respeitado como pesquisador. Em 1919, trabalhando como patologista do Hospital Homeopático de Londres, teve seu primeiro contato com a Homeopatia e entusiasmou-se com ela. A Homeopatia foi o elo que faltava para que Bach desse prosseguimento à formulação de seu sistema floral, uma vez que a produção das essências florais obedece aos princípios homeopáticos.
Uma reavaliação da vida
Acometido de uma doença incurável, Bach aprofundou-se ainda mais no estudo das relações entre a personalidade, os conflitos de ordem psico-mental e as doenças físicas. Sua compreensão de que existem corpos mais sutis do que o corpo físico; e a gênese das doenças orgânicas está relacionada com estados de desequilíbrio da alma permitiu a Bach uma cura espetacular. O médico estudou em si mesmo de que forma seu egoísmo, sua ambição e seus medos eram agentes de sua própria doença. Desenvolvendo uma profunda limpeza espiritual, questionando seu próprio comportamento e suas atitudes para com os semelhantes, Bach conseguiu realizar uma profunda revolução interna que o transformou num novo homem. Sua experiência de reclusão no campo, tratando a si próprio com a energia das flores para se libertar dos sentimentos negativos que habitavam sua alma, foi o fator determinante da criação de sua terapia floral.
Sensibilidade para captar energias
Ao estender as mãos sobre uma planta, Bach era capaz de sentir suas vibrações e sua energia sutil. Costumava procurar em si mesmo o estado de ânimo que pretendia curar, e, segundo escreveu, prontamente experimentava algum tipo de mal físico. Andava então pelos campos até se sentir atraído por determinadas flores, que imediatamente restauravam sua serenidade, e em poucas horas o mal físico também desaparecia.